Segunda, 23.Otu.2017



Suspeitos de pistolagem podem estar envolvidos com mortes de políticos em Sergipe

Três foram presos e um morto em confronto com a polícia.


22/09/2017 12:23 - Atualizado em 22/09/2017 12:25
Compartilhar no Whatsapp
Imprimir

Operação da Secretaria de Segurança Pública (SSP-SE) prendeu três suspeitos e um terceiro morreu no confronto. O grupo residia na cidade de Pedro Alexandre, na Bahia. Além dos homicídios, também eram responsáveis por assaltos a bancos.

Eles são envolvidos com pistolagem e que agiam em Sergipe. O grupo pode está envolvido na more de políticos no estado de Sergipe, inclusive na morte do vereador Jailton do Preá de Carira. De acordo com o assessor de Imprensa da Secretaria de Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE), Lucas Rosário, não há confirmação da autoria e participação dos criminosos na morte do vereador de Carira. Porém as armas apreendidas serão periciadas e junto a outras informações pode confirmar ou descartar a possibilidade.  ,

Foram presos Adomarcos Silva Souza, vulgo Donga; Cleciano Vieira Santos, conhecido por Gordo; e Adagilson Nunes de Jesus. Um terceiro suspeito morreu em intenso confronto policial, que durou cerca de 40 minutos no Povoado Malhada Nova, em Pedro Alexandre, ele ainda chegou a ser levado ao Hospital de Carira, mas não resistiu e faleceu.

A operação para a captura também teve participação Grupo Especial de Repressão e Buscas (Gerb) de Sergipe e de Pelotões da Caatinga dos dois estados. Com os suspeitos foram apreendidas armas de grosso calibre, como fuzil e escopetas.


Compartilhar no Whatsapp
Imprimir