Terça, 18.Set.2018



Belivaldo sobe o tom e alfineta adversários: “não sei quem é a oposição até agora”

"Temos grupo que pensa coletivo e não em projetos pessoais", enfatiza pré-candidato.


10/03/2018 21:38 - Atualizado em 10/03/2018 21:59
Compartilhar no Whatsapp
Imprimir

Destoando do estilo pacato e não muito afeito às polêmicas, o vice-governador Belivaldo Chagas (PDMB) encarnou de vez a condição de pré-candidato. No evento ocorrido na tarde deste sábado em Itabaiana, o emedebista reafirmou que está disposto a enfrentar as eleições de outubro.

Foto: Ascom.

Diante de uma plateia repleta de aliados, Galeguinho subiu o tom. " Temos grupo que pensa coletivo e não em projetos pessoais; pensamos em Sergipe e não no próprio umbigo", fustigou, completando que "não é um grupo que pensa em (eleger) filhinho, papai ou titio", critica.

Dizendo solidário com Jackson Barreto por conta do período de crise porque passa o Estado o vice-governador demonstrou que está disposto a bancar o desgaste de seu aliado JB.  "Sinto a dor e o sofrimento de Jackson e o acompanhado neste momento difícil. E para superar a crise o estado deve ser governado por quem tem compromisso e não por quem tem projetos pessoais", pontuou. Belivaldo ainda se mostrou otimista para o pleito e afirmou que os governitas elegerão os dois senadores, a maioria dos deputados federais e estaduais", vaticinou.

"Vamos seguir em frente, os nossos amigos estão aqui, eu não tenho preocupação com fofoca, não perco meu sono quando dizem que fulano está conversando com beltrano, paquerar é bom o que vale é casar; paquera lá, mas o casamento vai ser aqui", concluiu. 


Compartilhar no Whatsapp
Imprimir