Terça, 18.Set.2018



Facebook vai transmitir jogos da Libertadores a partir de 2019

Rede social vai transmitir um jogo por semana, às quintas-feiras, da Copa Libertadores da América; transmissão será feita ao vivo e sem custos.


13/05/2018 12:29
Compartilhar no Whatsapp
Imprimir

Por iG São Paulo.

A partir de 2019, os torcedores vão poder acompanhar os jogos da Copa Libertadores da América pelo Facebook. Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo , a rede social de Mark Zuckerberg será uma das donas dos direitos de transmissão do campeonato até o ano de 2022. Uma vez por semana, uma partida será disponibilizada ao vivo e de forma gratuita.

Assim, o Grupo Globo e a Fox Sports vão manter os direitos televisivos do torneio em TV aberta e fechada. Na fechada, a segunda opção fica com o SporTV. No Facebook, os jogos da Libertadores serão transmitidos às quintas-feiras e os valores pagos à Conmebol ainda não foram divulgados.

Não é de hoje que o Facebook passa a transmitir jogos de futebol ao vivo. Na América Latina, a empresa fechou negócio com a Fox e disponibiliza partidas da Liga dos Campeões aos internautas. No entanto, isto não acontece no Brasil, já que aqui, os direitos ficam por conta do Esporte Interativo.

O Conselho da Conmebol se reuniu com os presidentes de todas as associações e juntos, aprovaram que a final da Libertadores será realizada em jogo único a partir de 2019. A decisão foi unânime. A decisão do conselho da confederação veio após uma série de análises e estudos. Dentre as variáveis ​​analisadas então a justiça esportiva, a qualidade da competição, a emoção do show, a organização e a segurança do evento e a renda dos clubes finalistas e do torneio.

"A partir de 2019, a Libertadores será definida em uma partida, transmitida em horário nobre de um campo escolhido antecipadamente. Mais do que um jogo, este será um ótimo evento esportivo, cultural e turístico que trará grandes benefícios para o futebol sul-americano, seus clubes e seus fãs. Esta decisão oferecerá um evento esportivo de nível mundial e uma melhor experiência em casa e no estádio. Em termos de desenvolvimento, projetamos maiores receitas para o torneio e para os clubes finalistas, bem como uma maior projeção do futebol sul-americano e da Libertadores globalmente", explicou Alejandro Dominguez, presidente da Conmebol.


Compartilhar no Whatsapp
Imprimir