Quarta, 17.Otu.2018



São Miguel do Aleixo e Lourdes decretam situação de emergência

A falta de chuva também causou reflexos na agricultura.


07/08/2018 12:04
Compartilhar no Whatsapp
Imprimir

Quatorze municípios sergipanos decretaram situação de emergência por causa da seca. As cidades de São Miguel do Aleixo e Nossa Senhora de Lourdes foram os dois últimos munícios a aderirem ao decreto.

A determinação de situação de emergência é válida por 180 dias, mas pode ser prorrogada. E segundo a Defesa Civil Estadual, para o segundo semestre a expectativa da meteorologia é de que a seca continue. 

A Defesa Civil intensificou a operação carro-pipa para a distribuição de água nos municípios, que já sofrem os efeitos da seca na agricultura, principalmente na produção de milho e feijão. 

A falta de chuva também causou reflexos na agricultura. De acordo com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), a expectativa é de que a produção de milho em Sergipe registre uma queda de aproximadamente 50 % na safra deste ano. O prejuízo é equivalente ao valor R$ 78 milhões, além de R$ 204 milhões que deixarão de ser movimentados na economia do estado. 

Com informações do G1 SE.


Compartilhar no Whatsapp
Imprimir