Segunda, 23.Otu.2017



Delegado Fábio Santana é o mais novo cidadão itabaianense

Segundo a assessoria de comunicação da Câmara, ainda não há data marcada para a solenidade de entrega.


20/06/2017 19:06
Compartilhar no Whatsapp
Imprimir

Por Iane Gois.

Há oito meses em Itabaiana (SE) como coordenador regional da Delegacia de Polícia Civil, o delegado Fábio Santana teve o trabalho reconhecido pelos vereadores com a aprovação da propositura de concessão do título de cidadania itabaianense, maior honraria outorgada pelos parlamentares àqueles com relevantes serviços prestados em prol da sociedade local.

De autoria do vereador Paulo Messias (PMDB), o Projeto de Decreto Legislativo nº 06/2017 foi submetido a votação em redação final na manhã desta terça (20) e aprovado unanimemente, considerando-se a excelência no cumprimento da missão de investigar as infrações penais e desenvolver as atividades de Polícia Judiciária e Administrativa com eficiência, eficácia e efetividade, assegurando segurança à sociedade e preservando a paz social.

Segundo Paulo Messias, a homenagem é uma das mais merecidas até então outorgadas pela Casa, vez que no cotidiano o que se percebe é uma atuação firme, de respeito à comunidade e que tem se mostrado equilibrada, ética, imparcial, conforme preconiza a justiça.

“Fico imensamente honrado da autoria, e agradeço aos colegas pelo acolhimento. Esse jovem, juntamente com sua equipe, tem sido peça chave quando se fala em segurança pública, desarticulando quadrilhas e diminuindo os índices de crimes, melhorando as nossas condições de vida”, justificou o parlamentar.

Tendo firmado o compromisso de combate à criminalidade no município e consequente manutenção da ordem social, no pouco tempo de atuação os números apontados até o momento já apresentam uma relevante resposta na estratégia adotada, quando comparados com os do mesmo período de 2016, corroborando para a afirmativa do vereador quando fez menção à redução na estatística de delitos.

Com 32 armas apreendidas, 86 prisões, 9 apreensões de menores infratores, 12 kg de entorpecentes confiscados, Fábio Santana projetou Itabaiana nacionalmente com o desenvolvimento de operações que desarticularam associações criminosas, a exemplo da Baixada, e Irmãos Metralha, ganhando no município serrano a titulação informal, por parte de moradores de áreas periféricas, de Sérgio Moro sergipano.

Baiano, Fábio já acumula em seu acervo de títulos honorários as cidadanias aquidabãense e dorense em face dos proeminentes serviços também prestados nos municípios sergipanos de Aquidabã e Dores, respectivamente, onde também teve a incumbência, fielmente cumprida, de atuar diretamente com foco na minimização de estatísticas preocupantes, e agora é oficialmente adotado como cidadão serrano.

Para ele, a grata surpresa vem a corroborar o que iniciou como trabalho e se desmembrou em satisfação pessoal. “Inicialmente a missão em Itabaiana veio como um desafio profissional, mas ao chegar fui abraçado verdadeiramente e isso fez com que as dificuldades não se tornassem maiores do que o respeito e a admiração que aprendi a ter por esse povo honesto e trabalhador, relatou, concluindo: “esse título é um reforço à missão que tenho aqui, e se já atuava veementemente por profissionalismo, agora tenho uma obrigação moral com quem me acolheu como filho”, disse ele.

Ainda sobre o ‘prêmio’, o delegado atentou para o reconhecimento não da pessoa, mas do trabalho feito em equipe. “A cidadania honorária é em meu nome, mas a consideração é a toda a minha equipe, à cúpula da SSP, a quem estendo essa homenagem e agradeço a oportunidade de servir. Sem o esforço de cada um dos que, diariamente, estão ao meu lado jamais seria possível a cidadania. Ao vereador Paulo Messias, o meu sincero agradecimento pela notoriedade, assim como aos demais parlamentares, que foram favoráveis à proposta”.


Compartilhar no Whatsapp
Imprimir